O seguro que você precisa, com as facilidades que você procura estão aqui. Não perca tempo, envie logo as informações necessárias para que lhe façamos uma oferta interessante.

Selecione o produto para solicitar a sua cotação:

 

 

Veja mais



Digite o seu e-mail no campo abaixo e receba novidades por e-mail.

 
Valores de seguro para automóvel não acompanham queda dos roubos no RJ

As pessoas que moram próximas de favelas pacificadas e acompanham a diminuição da violência e dos roubos esperam por uma redução com os custos de seguros de seus carros. De acordo com Instituto de Segurança Pública do Rio de Janeiro (ISP), houve uma queda de mais de 20% no número de roubos de veículos na cidade, entre janeiro e setembro. Mas estes dados ainda não influenciaram no cálculo das seguradoras (estatísticas pouco influenciam no cálculo das seguradoras.)

Mesmo com a instalação de Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), as regiões do subúrbio pagam até 300% mais caro no valor do seguro auto. O presidente do Clube dos Corretores, Amilcar Vianna, esclareceu que o preço dos seguros de automóveis é calculado considerando uma série de fatores. "O custo de mão de obra tem subido, assim como o valor das peças automotivas. É prematuro afirmar que haverá queda imediata de preço para os segurados que moram em regiões com UPP", afirmou Vianna.

Embora as UPPs ainda não tenham influenciado nos valores do seguro dos veículos, o presidente do Clube dos Corretores acredita que isso poderá ocorrer nas regiões com um reforço na segurança policial no futuro.

Segundo a Federação Nacional de Seguros Gerais (FenSeg), o preço dos valores dos seguros não acompanham os índices de queda apontados pelo ISP porque as corretoras têm suas próprias estatísticas. Elas levam em consideração apenas os 30% dos automóveis segurados no Brasil, normalmente veículos com menos de dez anos de uso.

Fonte: Revista Apólice

© Valim Corretora de Seguros Ltda. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Tássia Valim